Blog

Como decidir entre retrofit ou troca da máquina injetora?

Você tem dúvida entre fazer retrofit ou troca do equipamento? A seguir esclareceremos algumas dúvidas e falaremos sobre os benefícios e ROI (retorno de investimento).

Acreditamos que a decisão de investimento em fazer retrofit de máquina injetora, ou simplesmente fazer substituição por um novo equipamento, seja máquina injetora, sopradora ou extrusora, deverá ser tomada a partir da avaliação de três premissas básicas que demonstrem, de forma inequívoca, o retorno financeiro que poderá ser realizado.

 

1º Ponto

A primeira premissa baseia-se na máxima de que a competitividade se faz pela produtividade, obtida através de máxima utilização dos recursos disponíveis e com o mínimo de ocorrência de perdas. Portanto, para a análise e avaliação dessa premissa, se faz necessário o adensamento inteligente de dados e informações precisas que são obtidos durante o acompanhamento das produções realizadas pela máquina, para que sejam feitas as medições dos principais indicadores de desempenho produtivos. Esses indicadores são:

  1. A utilização dos recursos planejados, indica a disponibilidade de operação produtiva da máquina, considerando as paradas de produção não planejadas e é determinado pela relação entre o tempo de operação efetivo da máquina e o tempo planejado para produzir.
  2. A eficiência produtiva baseada no que foi produzido corretamente quando a máquina estava operando. Este indicador é importante para que seja conhecido o real potencial de produtividade que possa vir a ser alcançado com a melhoria da utilização do equipamento.
  3. A produtividade OEE (Overall Eficiency Equipment) que estabelece a relação entre o quanto do recurso planejado foi transformado em produção efetiva, este indicador em particular pode indicar a rentabilidade das produções realizadas pela máquina, a partir do custeio dos recursos disponibilizados e os resultados financeiros obtidos das vendas efetivas da produção.
  4. A produtividade OEE Capital que demonstra a ociosidade de todo recurso produtivo existente, mas que não estão sendo planejados e consequentemente não está sendo utilizado, este indicador possibilita a definição da real necessidade de se fazer novos investimentos, ou não, além do equipamento sendo utilizado.

 

2º Ponto

A segunda premissa baseia-se na avaliação dos indicadores de desempenho que irão permitir um diagnóstico preciso das restrições de produtividade e rentabilidade do equipamento, tanto no que se refere a sua capacidade operativa (ex: de velocidade e repetibilidade produtiva), como das perdas operacionais das suas produções (ex: manutenção inadequada e erros de processos). Esta avaliação poderá definir o potencial financeiro das melhorias a serem realizadas com a decisão do investimento no retrofit de máquinas injetoras, bem como o dimensionamento do ROI que deverá ser obtido.

 

3º Ponto

A terceira e última premissa é baseada no acompanhamento pós-investimento, que demonstre de forma clara e transparente os resultados alcançados com o investimento realizado. Isso nos faz voltar à necessidade da primeira premissa, onde os dados e informações da realização das produções destas máquinas deverão ser adensados de forma a permitir uma avaliação dos seus indicadores de desempenhos, para serem comparados com os obtidos anteriormente, e que comprovem que o ROI esta sendo realizado conforme o planejado.

 

Exemplo na prática (Portfólio)

troca de comando injetoraAntes e depois, retrofitting completo realizado pela Automata do Brasil.

 

Podemos adotar como exemplo uma empresa fabricante de tubos e conexões em PVC, que tomou como base alguns conceitos relevantes para a tomada de decisão.

Após análise dos custos de capital, que normalmente são decrescentes em função da depreciação econômica e dos custos de operação e manutenção, que normalmente são crescentes, determinou-se o momento em que o equipamento atingiu sua vida econômica e consequentemente o momento de troca ou reforma.

 

Questão financeira

Neste momento avaliaram-se as questões financeiras como, usar recurso próprio, utilizar capital de terceiros. Caso fosse recurso próprio, quanto deixaria de render determinado valor, caso fosse recurso de terceiros, quanto seria os juros aplicados ao empréstimo e o valor total ao término do financiamento?

O valor a ser investido trará qual resultado, com relação à otimização no tempo de máquina parada por manutenções e com relação ao novo desempenho do equipamento e consequentemente maior produtividade?

Principais pontos na compra de um equipamento novo

Na compra de um novo equipamento temos que observar os seguintes pontos:

  1. Compra de um equipamento nacional com um valor médio de investimento, possibilidade de financiamento via Finame/BNDES, níveis de recursos tecnológicos e performance;
  2. Compra de um equipamento importado de alto padrão com um valor alto de investimento, sem possibilidade de financiamento, altíssimos níveis de recursos tecnológicos e performance;
  3. Compra de um equipamento importado de baixo padrão com um valor baixo de investimento, sem possibilidade de financiamento, baixos níveis de recursos tecnológicos e performance.

Principais pontos na reforma de um equipamento

Na reforma de um determinado equipamento temos que observar os seguintes pontos:

  1. Tempo de parada de máquina por questão de manutenção corretiva e seus respectivos custos produtivos;
  2. Custos estimativos com manutenção corretiva/preventiva;
  3. Robustez mecânica do equipamento;
  4. Valor do equipamento nas condições atuais, no mercado de usados;
  5. Valor do equipamento reformado, no mercado de usados;
  6. Possibilidade de aumento de produtividade em função da reforma aplicada;

Para o momento atual, político e econômico, podemos afirmar que após todas as análises executadas o melhor custo benefício foi optar pela reforma dos equipamentos, pois, a empresa possui algumas máquinas injetoras de grandes fabricantes em boas condições produtivas, mas já pareando com esta fase final de vida econômica, portanto, momento de maior ocorrência de paradas de máquinas e manutenção de equipamentos.

Avaliando a robustez mecânica original dos equipamentos, o alto nível tecnológico do novo comando eletrônico, que proporcionará maior precisão nos controles de movimento, principalmente no ciclo de injeção, o custo envolvido na reforma, o tempo para execução dos serviços especificados, a reforma dos equipamentos foi a melhor opção.

 

Solicite um orçamento, sem compromisso.

Mais infos em nosso site automataweb.com.br

Posts Relacionados: